Primeiro Ano

Empolgação total lá em casa, com o início das aulas do primeiro ano.

Uma menina da classe avisou que já é quase uma adolescente e um dos meninos avisou que quase já tem bigode. Nenhum deles têm certeza do que acontecerá, mas tentam se afirmar na vida quase adulta.

Entre 5 e 6 anos, eles se sentem promovidos com a nova etapa escolar. E nós, mães, orgulhosas dos nossos filhotes.

No caminho da escola, conversa animada. Como eu tinha ido à reunião de apresentação do primeiro ano no sábado (às 8h, para adaptação ao novo fuso horário), contei que a Carla e a Fernanda serão as professoras dele. Falamos de outras coisas e eu voltei ao assunto, para prepará-lo para chegar ao mundo desconhecido:

– Bento, então qual é mesmo o nome das suas professoras? Car___?

– Mamãe, ela vai explicar quando chegar na escola….

Bom, acho que ele está sossegado.

Seguimos.

Chegando lá, andamos de mãos dadas até o portão. As professoras avisaram que estariam na entrada, mas as mães poderiam levar os filhos até a classe, se necessário. Dei uns dois ou três passos para me certificar que uma delas estaria por perto e, então, ele me olhou, apreensivo:

– Mãe não entra na escola!

E lá foi ele, meu filhotinho virando menino, virando criança, feliz, certeiro, carregando sua lancheira de dinossauros, enfrentar o mundo.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s